24 Jun, 2014

O que fazer quando a concorrência começa a sufocar seu negócio


Sem concorrência dificilmente haveria novas ideias disponíveis no mercado e os próprios consumidores ficariam à mercê de uma única possibilidade.

Na medida em que os empresários são também consumidores, é preciso que eles encarem a concorrência como um desafio impulsionador, um obstáculo que, no entanto, é também uma oportunidade para se aprimorar.




Por Jenner Roberto Camillo* 

 

Quando falamos em concorrência em um contexto empresarial, os empresários tendem sempre a considerá-la como algo ruim e prejudicial.

 

Mas é preciso que todos saibam que a concorrência é um princípio básico do sistema capitalista, onde todos podem oferecer os mesmos produtos e serviços e competir para conquistar o público-alvo, seja com inovações ou menores preços.

 

Sem concorrência dificilmente haveria novas ideias disponíveis no mercado e os próprios consumidores ficariam à mercê de uma única possibilidade.

 

Na medida em que os empresários são também consumidores, é preciso que eles encarem a concorrência como um desafio impulsionador, um obstáculo que, no entanto, é também uma oportunidade para se aprimorar.

 

Mas, de fato, o outro lado da moeda é que a concorrência também está livre para apertar o seu negócio na parede, sem deixar espaço para que você inove e possa dividir amigavelmente a fatia do mercado no qual estão inseridos, principalmente quando ela está em melhores condições financeiras.

Pensando nisso, trouxemos algumas dicas sobre o que fazer quando a concorrência começa a sufocar o seu negócio. Acompanhe a seguir!

 

Inovação

 

A inovação para vencer a concorrência diz respeito aos processos internos da empresa e aos produtos e serviços oferecidos ao público consumidor. Em relação aos processos internos, ela pode envolver o desenvolvimento de práticas que reduzam os custos e tragam mais produtividade.

 

Em relação aos produtos e serviços, a inovação envolve o desenvolvimento de novos recursos e potencialidades para os consumidores, suprindo certas carências e oferecendo novidades nunca antes apresentadas.

 

Ter uma equipe responsável pela inovação ou solicitar aos próprios funcionários novas ideias é essencial para que a empresa esteja sempre superando a si mesma e acompanhando as demandas do mercado.

 

Qualidade

 

Um dos principais pontos para dar a volta por cima e não deixar que o concorrente sufoque a sua empresa é não abrir mão de oferecer produtos de qualidade, prezando sempre por ela.

 

Diminuir a qualidade para reduzir custos não é a melhor saída, pois assim você corre o risco de perder clientes e não conseguir conquistar novos. Lembre-se, portanto: apesar das dificuldades, jamais abra mão do que garante a fidelidade dos seus clientes.

 

A qualidade está presente nos produtos, nos serviços, no atendimento, em um site funcional, no pós-venda, no marketing e em todos os processos levados a cabo por sua empresa.

 

Extras

Além do que já é comumente oferecido, é interessante pensar em vantagens para seus clientes, para que eles sintam que estão ganhando ao escolherem sua empresa ao invés da concorrência.

 

Invista em serviços delivery, entrega de brindes, sorteios, programas de fidelidade e outras ideias que facilitem a vida do cliente e façam com que ele crie expectativas positivas em relação à sua marca.

 

Olhos abertos

 

Diante de uma concorrência agressiva, você deve se fazer a seguinte pergunta: o que eles têm que a minha empresa não tem? Ou ainda: o que eles fazem que a minha empresa não faz? Pesquisando os produtos e serviços dessa empresa específica, sua forma de atendimento e suas inovações, você saberá apontar o que é diferente entre vocês.

 

A partir disso, procure superá-la! Não estamos falando em imitá-la, mas sim em oferecer algo que está além do que ela oferece, surpreendendo o público-alvo que participa do mesmo nicho de ambas as empresas.

E então, você está pronto para reequilibrar a relação com a concorrência? Aproveite essa oportunidade para se renovar e atender as demandas do mercado!

 

 

*Jenner Roberto Camillo é empreendedor, CEO e fundador da Plataforma FA, aplicação dedicada a negócios que auxilia empresários a prepararem suas empresas para operações de Compra e Venda (Fusões, Aquisições e Investimentos).











ACESSE NOSSAS REDES SOCIAIS

Acesse, siga, dê um curtir. Queremos ficar cada vez mais pertinho de você.





IMPOSTÔMETRO

Saiba o quanto você contribuiu até agora.